Vídeo currículo: como fazer um vídeo CV

Vídeo currículo: como fazer um vídeo CV

Um vídeo currículo, também conhecido como currículo em vídeo, é justamente o que o nome indica: um vídeo de apresentação pessoal no qual você descreve aspectos importantes sobre sua formação, experiência e habilidades no campo profissional. Um vídeo currículo é uma boa forma de tentar se destacar frente a outros candidatos a uma vaga de emprego. Afinal, ele dá a você a oportunidade de se apresentar como se estivesse falando diretamente ao empregador ou recrutador, antes de chegar à entrevista de emprego.

Neste artigo, explicamos as vantagens de preparar um currículo de apresentação pessoal. Além disso, damos algumas dicas para que você se saia bem ao produzir o seu, de modo a surtir o efeito desejado. Vamos lá!

Para que serve um vídeo currículo

O vídeo currículo certamente não substitui um currículo tradicional, na forma escrita. Por outro lado, pode ser um excelente complemento a ele. Afinal, ele possibilita que você demonstre possuir certas características as quais dificilmente conseguiria expressar no texto de um currículo impresso ou em PDF.

Mas que características são essas? Bom, você pode, por exemplo, demonstrar entusiasmo pela sua profissão ou por uma atividade específica relacionada a ela. Pode passar uma imagem de pessoa carismática, bem-humorada – com a qual o empregador certamente gostaria de conviver em sua rotina de trabalho. Pode demonstrar conhecimento avançado sobre um tema, apenas pela forma e linguagem que emprega ao falar sobre o que você faz….

Enfim, as possibilidades são infinitas. O importante é que você conheça seus pontos fortes, enquanto profissional, e saiba como usá-los a seu favor ao fazer um vídeo currículo. Em alguns setores específicos, como em áreas criativa, de marketing ou de vendas, sua forma de se comunicar é ainda mais importante. Portanto, se esse for o seu caso, esforce-se ainda mais para que o seu vídeo de apresentação fique incrível!

Como preparar um vídeo currículo

Para preparar um vídeo currículo de qualidade, você não precisa de muito mais que uma boa câmera, que pode ser a do seu próprio aparelho celular, e de um local adequado para a gravação. Uma vez garantida a qualidade da gravação, caberá a você ter um bom desempenho falando para a câmera. A seguir, listamos algumas dicas que ajudarão você a se sair bem tanto na qualidade da gravação quanto no conteúdo do vídeo.

Grave em um ambiente limpo e organizado

O primeiro passo, claro, será escolher um local para a gravação. Você pode fazer seu vídeo sentado à mesa de trabalho que tem em casa, na sala de estar, ou mesmo ao ar livre, dependendo da sua profissão e do tipo de vaga à qual você está se candidatando. O importante é que o cenário seja agradável e não chame a atenção de forma negativa.

Portanto, garanta que o ambiente está limpo e arrumado. Confira se não há manchas de sujeira aparecendo na parede ou em um móvel. Verifique se não há objetos desarrumados, caídos no chão ou espalhados de qualquer jeito sobre a sua mesa. Enfim, assegure-se de que o cenário passará uma boa impressão a quem for assistir ao seu vídeo.

Vista-se de maneira adequada

O segredo, neste caso, é usar a mesma roupa que você usaria em uma entrevista de emprego para a vaga. Afinal, a roupa diz muito sobre qualquer pessoa, e toda profissão ou empresa tem um dress code implícito, o qual você provavelmente já conhece em relação à área em que trabalha.

Portanto, vista-se de forma adequada. Isso significa vestir-se bem, mas também evitar exageros. Você não precisa colocar um terno para gravar um vídeo destinado a uma vaga em um almoxarifado. Por outro lado, não deve aparecer com a roupa amassada ou puída ao se apresentar para uma vaga em um banco.

Posicione bem a câmera

Ok, você está no local escolhido para a gravação, vestindo uma boa roupa… então, é hora de preparar o seu equipamento. Hoje em dia, um celular com uma câmera boa pode ser mais que suficiente para cumprir esse papel. No entanto, pode ser útil ter um suporte ou pedestal para ajustar a altura e a estabilidade da câmera.

O ideal é que a câmera esteja a uma distância adequada, não muito longe, mas também não tão perto do seu rosto. É importante, também, que ela esteja posicionada na altura do seu rosto, e que seja possível ver bem sua expressão, olhos e boca, enquanto você fala.

Garanta a melhor luz

A melhor luz para a sua gravação será, provavelmente, a luz natural. Isso, claro, desde que você não tenha equipamentos de iluminação profissionais ao seu dispor. A luz do sol é a mais bonita para gravar um vídeo. Por isso, sempre tente gravar durante o dia, com iluminação natural incidindo sobre você.

É importante que a luz incida sobre você de frente. Afinal, se houver uma fonte de luz atrás de você, como uma janela aberta, seu rosto poderá acabar escurecido.

Verifique a qualidade do som

A qualidade do som é fundamental para que o seu vídeo currículo seja bem sucedido. Afinal, um vídeo de apresentação pessoal perde todo o seu sentido de existir a partir do momento em que simplesmente não é possível entender o que você está falando. É importante que sua voz esteja clara e com um bom volume.

Se possível, utilize um microfone para captar melhor o som da sua voz. Assim, seu vídeo parecerá menos amador. Você também deve cuidar para que não vazem outros ruídos no vídeo, como cachorros latindo, barulho de obra ou o som da sua televisão. Por fim, prefira um ambiente que não esteja tão vazio de móveis ou outros elementos. Afinal, um ambiente muito vazio e fechado pode provocar ecos indesejados.

Seja breve e mantenha a objetividade

A maioria das seleções de emprego conta com um grande número de candidatos. Portanto, você deve valorizar o tempo do seu empregador ou recrutador se deseja que ele assista ao seu vídeo até o final. O ideal para isso é que o vídeo não tenha mais de 90 segundos.

Um currículo em vídeo, neste sentido, deve seguir a mesma lógica de um currículo tradicional. Deve ser curto e objetivo, sem digressões necessárias. Escolha apenas as informações realmente relevantes. Fuja de exemplos longos ou de comentários que não acrescentam nada à sua candidatura.

Pense na vaga, fale sobre a vaga

Uma boa forma de manter a objetividade é planejar bem o que você irá falar antes da gravação. Você não precisa ler um roteiro à perfeição, obviamente, mas deve ter em mente os pontos que irá abordar e como tratará cada um deles. Ao fazer essa preparação, claro, é importante ter em mente o que a vaga está pedindo de você.

Menciona experiências que sejam relevantes para a posição à qual você está se candidatando. Cite qualidades suas que tenham sido listadas como importantes na descrição da vaga de emprego. Se possível, mencione especificamente a vaga e deixe claros os motivos que, na sua opinião, fazem de você um bom candidato.

Mostre motivação e autenticidade

Como dissemos antes, um vídeo currículo é uma boa oportunidade de passar ao empregador ou recrutador uma boa impressão pessoal antes mesmo de chegar a uma entrevista de emprego. Para que você realmente chegue a esse resultado, é importante mostrar motivação pela vaga e autenticidade na forma de se comunicar.

Falar para a câmera pode ser uma tarefa difícil para muitas pessoas. Principalmente, se você for tímido(a) ou não tiver uma fala bem articulada. Seja como for, não procure aparentar ser o que não é. Se você tentar forçar um personagem, isso ficará muito nítido para quem estiver assistindo ao vídeo – a não ser, claro, que você seja um ótimo ator ou atriz!

Pratique e grave de novo quantas vezes for necessário

A melhor forma de lidar com a câmera, caso você tenha dificuldade para se expressar, é praticando diversas vezes e gravando quantas vezes for necessário para atingir o melhor resultado. Treine algumas vezes sem ligar a câmera. Depois, tente com a câmera ligada e confira o resultado. Faça esse exercício até se acostumar com a situação. Mesmo que você tenha que gravar dezenas ou mesmo centenas de vezes, até chegar a um bom resultado, terá valido a pena.

Finalmente

Uma vez que o vídeo esteja pronto, é chegada a hora de enviá-lo ao empregador ou recrutador. A prática mais comum, nesse caso, é fazer o upload do vídeo em um diretório como o Google Drive ou o Dropbox. Você também pode colocar o vídeo no Youtube e escolher para que ele não fique listado na plataforma. Assim, só quem tiver o link poderá encontrá-lo. Seja de onde for o link, você poderá enviá-lo junto ao currículo, por e-mail, ou mesmo incluí-lo no próprio. Então, bastará esperar o resultado!

Fique à frente da concorrência

Faça com que as suas inscrições de emprego se destaquem dos outros candidatos.